Dez maneiras de estimular sua espiritualidade por Deepak Chopra

Dez maneiras de estimular sua vida espiritual

“Intenção é o ponto de partida de qualquer caminho espiritual. Intenção inclui vontade e propósito, aspiração e visão superior. Se você definir a sua intenção como sendo a existência material, esta vai crescer no lugar da vida espiritual. Uma vez que você plantar a semente de uma intenção, a jornada da sua alma vai se desdobrar automaticamente.”

1- Conheça suas intenções.
Não deixe que suas falsas intenções permaneçam mascaradas. Arranque-as fora e trabalhe no perigo e no medo que o mantem ligado a elas. Intenções falsas assumem a forma de desejos maus: eu quero que outra pessoa venha a falhar, eu quero ver as pessoas más punidas, eu quero tirar algo de alguém, etc. Intenções falsas podem ser evasivas, você vai notar a sua existência pelo sentimento a elas conectado – um sentimento de medo, ganância, raiva, desespero, ou fraqueza. Perceba primeiro o sentimento, se recuse a permanecer com ele e, em seguida, fique consciente até encontrar a intenção oculta por baixo desse sentimento negativo.

2 – Mire alto nas suas intenções.
Objetive tornar-se um santo e um fazedor de milagres. Por que não? Se você sabe que a meta do crescimento interior é adquirir maestria, então peça esta maestria o mais rapido possível. Não se esforce para fazer maravilhas, mas tampouco as negue para si mesmo. O início da maestria é a visão, veja os milagres ao seu redor, e isto tornará mais fácil crescer os milagres maiores.

3 – Veja-se na luz.
O ego mantém suas garras, fazendo-nos sentir carente e impotente. A partir deste sentimento de falta cresce uma fome/ necessidade para adquirir tudo à vista de imediato. Dinheiro, poder, sexo e prazer devem preencher esse vazio mas nunca o fazem. Você pode escapar deste pacote de ilusão, se você não enxergar a si mesmo na sombra, lutando para chegar a Deus, mas sim se ver na luz desde o primeiro momento. A única diferença entre você e um santo é que a sua luz é pequena e a de um santo é grande. Ambos estão na Luz, pertencem á Luz.


Fonte: Eu superior – O despertar de uma nova era

VOCÊ CURITU O SITE?
  • SIM

  • NÃO