O poder do Perdão – exercício para perdoar

Estamos vivendo um despertar espiritual. Estamos prontos para buscar cada dia mais nossa evolução.

Parece que a humanidade está realmente começando a medir o que é mais importante nesse momento de nossa evolução, e através disso procurando todas as formas que possam ajudar alcançar a meta de nos melhorarmos um pouquinho por dia.

Somos seres imperfeitos, e cada dia, cada momento é uma luta interna para quem busca praticar o que é considerado correto.

Já sabemos que a espiritualidade não tem nada a ver com religião, mas isso também não quer dizer que você não possa ter uma religião que te agregue coisas boas, um lugar onde se sinta bem. Mas é importante dizer, para as pessoas como eu, que nunca se encontraram em nenhuma religião que a igreja somos nós e Deus está em nós. Sou bem mais a favor de agirmos com amor em nossas atitudes do que ir para as igrejas todos os domingos e não agir em coerência aos ensinamentos que recebeu.

Um dos sentimentos mais importantes que temos que ter em nós para que consigamos essa evolução é o sentimento do PERDÃO. Algo que parece fácil, mas não é. Quando alguém nos machuca profundamente, ficamos magoados, e por mais que digamos, tudo bem, está perdoado, lá no fundo ainda existe uma faísquinha de mágoa que ao menor sinal de descontrole vira uma chama e acaba causando verdadeiros incêndios.

Em meus estudos com a Física Quântica, com o Professor Helio Couto, descobri um vídeo de ,  Desenvolvimento Pessoal – Relacionamentos – link nesse áudio ele nos ensina um exercício para emanarmos o perdão.

Esse exercício consiste em você voltar seu pensamento para uma situação que aconteceu com você a qual precisa ser liberada perdão. Então quando você estiver relembrando a situação, deve -se alterar o desfecho e emanar uma luz rosa de amor por todo ambiente.

Clique no link acima e faça, dá certo, eu garanto. Eu fiz e os resultados foram extraordinários, as vezes nem eu mesma acreditava.

Família, lugar de perdão

“Não existe família perfeita. Não temos pais perfeitos, não  somos perfeitos, não nos casamos com uma pessoa perfeita, nem temos filhos perfeitos. Temos queixas uns dos outros. Decepcionamos uns aos outros. Por isso, não ha casamentos saudável nem família saudável sem o exercício do perdão. O perdão é vital para nossa saúde emocional e sobrevivência espiritual. Sem o perdão a família se torna uma arena de conflitos e um reduto de magoas. Sem perdão a família adoece. O perdão é a assepsia da alma, a faxina da mente e a alforria do coração. Quem não  perdoa não tem paz na alma nem comunhão com Deus. A mágoa é um veneno que intoxica e mata. Guardar mágoa no coração é um gesto autodestrutivo. É autofagia.

Quem não perdoa adoece física, emocional e espiritualmente.

É por isso que a família precisa ser lugar de vida e não de morte; território de cura e não de culpa. O perdão traz alegria onde a magoa produziu tristeza; cura, onde a magoa causou doença.”

Papa Francisco

VOCÊ CURITU O SITE?
  • SIM

  • NÃO